Sono das Crianças – Rotina, Dicas


  

Confira algumas dicas de rotina e técnicas para fazer o bebê ou a criança dormirem a noite toda.

O momento do sono infantil pode ser um grande problema para diversas famílias, e isso pode acontecer em diferentes idades. Por isso existem técnicas diferentes para ajudar bebês e crianças a dormirem bem e durante a noite toda. Veja diversas dicas para diferentes situações do sono infantil e diferentes idades.

Veja como fazer bebês de 0 a 1 ano dormirem a noite toda

Com a chegada de um beber a felicidade é plena. Porém, a hora do sono desses pequenos costuma ser bem conturbada nessa primeira fase da vida. Há diversos fatores que podem deixar esses bebês acordados, sabemos que tem a fase da cólica, do nascimento dos dentinhos e também algumas doenças comuns nessa fase. Tirando elas da lista, existe a dificuldade do sono comum, e é dessa parte que vamos falar.

A primeira coisa a fazer é escolher o horário em que essa criança vai dormir, e seguir ela diariamente. No início pode ser difícil e até parecer que não vai funcionar, mas depois de alguns dias o bebê ou a criança começa a aprender e a se acostumar com essa rotina. Se prepare todos os dias para não deixar de seguir o horário corretamente, e assim as noites de sono serão sempre tranquilas.

Prepare o ambiente para a hora do sono

Ter um ambiente tranquilo e sem barulhos vai ajudar muito que a noite do sono seja perfeita. Então é essencial que todos da casa entendam que depois de uma certa hora é ideal evitar sons altos como: TV, rádio, vozes e barulhos em geral. Assim fica mais fácil do bebê ou criança dormir mais rápido e a noite toda.

Coloque músicas calmas ou sons de chuva bem baixinho no quarto

Já foi comprovado que algumas músicas e sons ajudam muito na hora do sono, principalmente na falta dele. E a junção de um ambiente tranquilo com esse tipo de música e som, torna esse momento mais gostoso e acaba ajudando a mamãe a descansar um pouco mais.

Veja como fazer a transição do berço para a cama

O momento da transição do berço para cama pode ser um pouco complicado para muitas mães e pais. Porém existem algumas formas de ajudar nesse processo.




O primeiro é fazer com que a criança se sinta bem com essa mudança. O ideal é comprar uma cama colorida ou com algo de algum personagem que ela goste. E mostrar a ela que vai haver uma mudança no espaço e que ela vai dormir. Está ao lado dela nos primeiros dias de transição é fundamental para que ela se sinta segura.

A segunda é encorajar a ela nessa mudança. Dizer que ela já está esperta e por isso vai ganhar uma cama nova. Seja firme caso ela não goste da ideia. Crie um ambiente familiar nessa cama, coloque alguns bichinhos de pelúcia que ela goste muito e diga que ela vai dormir só com os melhores amigos. Essas duas táticas costumam funcionar muito. Normalmente a idade dessa transição varia dos 2 anos a 2 anos e meio.

Como fazer crianças de 2 a 6 anos dormirem a noite toda?

Nessa fase pode ser muito difícil fazer com que as crianças durmam na hora certa, principalmente se elas nunca tiveram uma rotina do sono. O ideal é conversar e dizer que é preciso dormir na hora certa e assim com o passar dos dias ela vai entender que é preciso. Então todos os dias na mesma hora, vá com a criança até o quarto, mesmo as maiores, e fique um pouco ao lado dela. O ambiente precisa ser calmo também. Uma dica legal é ler uma história antes de dormir, dê preferência por histórias curtas e depois apague a luz e deixe apenas um abajur para o ambiente não ficar tão escuro. Sente perto da cama até que ela pegue no sono.

Como lidar com o terror noturno na fase infantil?

O terror noturno infantil é um distúrbio que pode trazer problemas para diversas crianças. Geralmente as crises são acompanhadas de gritos ou choro descontrolados. Esses distúrbios podem acontecer a partir dos 9 meses de idade e são fáceis de serem percebidos. Dentro da crise a criança não sente que tem alguém ao lado dela, e por isso ela pode continuar agitada ou chorando mesmo que o pai ou a mãe já esteja no quarto. Essa crise pode durar de 1 a 30 minutos, e o ideal é manter a calma para não piorar o problema.

Caso seu filho esteja passando por isso, procure imediatamente o pediatra para que ele indique o tratamento e o especialista correto para o problema. Cada profissional tem uma visão diferente do problema.

Espero que as dicas tenham ajudado na rotina de sono do seu filho.

Por Cristiane Amaral


Compartilhar este Artigo



Post Comment